“Façamos da energia catalizadora do desenvolvimento” – Presidente da República

Data: 06/04/2018
 
Comício Popular

Derre (Zambézia), 06 de Abril de 2018 – O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, instou hoje à população do distrito de Derre, província da Zambézia, para que faça da energia eléctrica catalizadora do desenvolvimento, pois através dela pode incrementar-se os resultados das actividades sócio-económicas desenvolvidas.

O Chefe do Estado falava durante a inauguração da Linha de Extensão de Energia Eléctrica daquele distrito, empreendimento que é parte do programa de electrificação das sedes distritais, sendo a vigésima sede distrital da província da Zambézia a ser contemplada, estando em curso a electrificação das últimas duas sedes distritais, nomeadamente, de Muelevala e de Luabo.

“Existem muitas actividades que podem ganhar outro ímpeto com energia, como a conservação do pescado, a criação de frangos, o comércio, a introdução da actividade bancária, entre outras actividades que podem impulsionar o desenvolvimento de Derre, e não só”, disse o Presidente Nyusi.

Para o estadista, a população de Derre deve aproveitar a energia para garantir renda, através do aumento da produção. “A população de Derre tem agora a responsabilidade de aumentar a produção, pois a energia não é só para iluminação. Isso os painéis solares podem fazer. A energia é principalmente para impulsionar as actividades que se desenvolvem, pois já existem condições para a conservação dos produtos”, referiu.

O Presidente da República instou a população de Derre para cuidar das infraestruturas que suportam a energia eléctrica, o que permitirá a sua expansão, pois, segundo o Presidente Nyusi, a destruição dessas infraestruturas é um retrocesso para Derre, assim como para os postos administrativos do distrito que ainda não têm energia.

O Chefe do Estado explicou que a chegada de energia àquele distrito é um processo. “A fase primária é dotar os empreendimentos sócio-económicos, como escolas, hospitais, lojas entre outros, desta energia, fase que já está garantida. Agora é a vez de expandir a energia para as residências, e esta fase precisa da vossa colaboração”, disse.

Aludindo às ligações clandestinas, o estadista exortou a população para não fazê-las, pois isso é crime. “Temos que denunciar estes actos, assim como daqueles que vandalizam as infraestruturas de electricidade, prejudicando a maioria”, instou o Presidente Nyusi.

O Chefe do Estado agradeceu aos técnicos que trabalharam para que aquele distrito tivesse acesso à energia, explicando que para isso tiveram que fazer sacrifícios para se poder entregar o empreendimento antes da data prevista. Acrescentou que são jovens como aqueles que fazem o desenvolvimento do país, por isso instou os jovens ali presentes, e não só, para apostarem nos estudos, afim de contribuirem para o desenvolvimento do distrito de Derre, da Zambézia e do país no geral.