PR: “Hospital eleva a qualidade da prestação de serviços”

Data: 02/10/2023
 
IMG-1199

Bilene (Moçambique), 02 de Outubro de 2023 – O Hospital Distrital de Bilene, construído na província de Gaza no âmbito da iniciativa presidencial “Um distrito, um hospital”, acaba de entrar em funcionamento, depois que foi inaugurado hoje pelo Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi.

Na ocasião, o estadista disse que a entrada em funcionamento desta infra-estrutura social marcava um passo importante na longa caminhada para assegurar que os moçambicanos tenham acesso universal aos cuidados de saúde de qualidade em alinhamento ao comando da Constituição e da Agenda 2030 das Nações Unidas para a saúde.

Logo no começou da sua intervenção por ocasião da inauguração do hospital, o Presidente Nyusi sublinhou que o acto mantem coerência com o que dissera a 15 de Janeiro de 2015 aquando da sua investidura como Presidente da República, quando disse que “Eu quero um povo com mais educação e saúde. Prosseguiremos com a construção de mais unidades sanitárias dotadas de meios técnicos adequados de diagnóstico e tratamento”.

Hoje, como tem sido característico da sua governação, o Chefe de Estado entregara mais um hospital de referência e apetrechado com os mais modernos equipamentos e profissionais de saúde competentes e que respondem às exigências impostas por uma unidade sanitária daquele calibre.

Trata-se de uma infra-estrutura financiada na totalidade através do Orçamento do Estado, o que, segundo o governante, é mais um indicador visível da resposta ao compromisso que o seu Governo mantém com a saúde e o bem-estar da população.

Aliás, disse na ocasião que a sua alegria se acrescia porque a conclusão desta unidade sanitária representa um importante marco na satisfação do pedido das populações e na implementação dos objectivos do Programa Quinquenal do Governo 2020-2024 para o sector da saúde.

“O Hospital Distrital de Bilene resulta da materialização da estratégia para acelerar a implementação da agenda do sector da saúde através da iniciativa presidencial “Um distrito, um hospital”, uma iniciativa que aproxima os serviços de saúde às comunidades, alocando diversos materiais e equipamentos, como também aumentando o número de profissionais de saúde em exercício nas unidades sanitárias”, esclareceu.

A unidade sanitária ora inaugurada está petrechada com 120 camas, uma Maternidade, um Bloco Operatório, Laboratório, serviços de Raio X, morgue, sistema de abastecimento de água autónomo, entre outras alas. Pelo menos 138 profissionais passam a prestar serviços para mais de 850 mil habitantes, com destaque para sete médicos, 68 enfermeiros e outros técnicos especializados de saúde.

“O nosso compromisso para assegurar que os moçambicanos tenham acesso a serviços de qualidade é permanente. Na medida em que os recursos permitirem continuaremos a investir na saúde e na qualidade de vida dos moçambicanos. O nosso relógio de realizações não parou e não vai parar”.

É expectativa do Chefe de Estado que os utentes desta unidade sanitária encontrem a satisfação dos seus problemas de saúde e adquiram a informação necessária para promover saúde e prevenir doenças no seio das comunidades.

Aos profissionais de saúde, enquanto servidores públicos, o Presidente exige que continuem a cuidar da população como deve ser, abstendo-se de cobranças ilícitas, pois pretende-se que aquele hospital seja o modelo do bom atendimento e de esperança para as populações, que seja uma unidade sanitária de referência no bom atendimento aos utentes.

Com a entrada em funcionamento deste hospital, a província de Gaza passa a contar com um hospital provincial, três hospitais rurais e dois hospitais distritais e 158 centros de saúde.

E o distrito de Bilene passa a ter 12 unidades sanitárias, das quais um hospital distrital e 11 centros de saúde.